BIBLIOTECA DA FEAAC/UFC

Início » Leitura e Artes » 10 Clássicos da Literatura Duramente Censurados

10 Clássicos da Literatura Duramente Censurados


 

1 – Admirável Mundo Novo, de Aldous Huxley: Começou a ser censurado na Irlanda por causa de seus temas controversos sobre nascimento de crianças. Logo também passou a ser banido nos Estados Unidos por causa de sua “negatividade”.
2 – As Vinhas da Ira, de John Steinbeck: Foi publicamente proibido nos Estados Unidos, embora a defesa da elite literária, e queimado em massa pela população nas ruas.
3 – Trópico de Câncer, de Henry Miller: Nem bem foi lançado, o Supremo Tribunal de Justiça da Pensilvânia, por meio de Michael Musmanno escreveu a seguinte ponderação sobre a obra “não é um livro. É uma fossa, um esgoto a céu aberto, um poço de putrefação, uma reunião viscosa de tudo o que é podre nos escombros da depravação humana.”
4 – Matadouro 5, de Kurt Vonnegut: O bom e velho Tio Sam não gosta que seus filhos sejam expostos a certos temas, o que levou o livro a entrar para uma seleta lista com livros mais frequentemente contestados;
5 – Os Versos Satânicos, de Salman Rushdie: Começando que por causa desse livro a cabeça do autor ganhou um elevado preço, por exemplo, ser pego lendo o livro era crime com pena de 15 meses de cadeia. No japão quem fosse pego vendendo a edição inglês tomaria multa, e até mesmo grandes livrarias americanas recusaram-se a vender o livro.
6 – O Crime do Padre Amaro, de Eça de Queirós: Certamente um dos livros mais censurados em língua portuguesa, proibido em salas de aula, bem como quase uma condenação moral de quem fosse visto lendo-o. Além disso, gerou grandes protestos da igreja católica.
7 – As Vantagens de Ser Invisível, de Stephen Chbosky: Por seus aspectos homossexuais e conteúdo sexual explícito foi retirado de bibliotecas, e se tornou um dos mais perseguidos.
8 – Psicopata Americano, de Bret Easton Ellis: A Alemanha restringiu suas vendas em 1991 por ser prejudicial a menores. Foi proibido no Canadá, e na Austrália foi proibido no estado de Queensland, no nos outros estados sua leitura é restrita a maiores de 18 anos.
9 – A Metamorfose, de Franz Kafka: Toda a obra do autor foi proibida sob os regimes nazistas e soviéticos. Na Tchecoslováquia foi proibido por ele negar-se em escrever em checo.
10 – Lolita, de Vladimir Nabokov: Depois de ser descrito por um editor do Sunday Times como “o livro mais sujo que li” todas as cópias do livro foram apreendidas em 1955 com o fundamento de que se tratava de pornografia. Também foi proibido na França, mas curiosamente liberado nos Estados Unidos. […]
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escolha uma data, clique e veja o que a BFEAAC postou

janeiro 2013
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
%d blogueiros gostam disto: